merchan

Acompanhe

Como fazer amigos e influenciar pessoas

Auto-ajuda, um gênero literário controverso e mui vendável. Dizem que teve início em 1936 com a publicação de um grande clássico, o livro “Como fazer amigos e influenciar pessoas” do Carnegie Hall, que vende mais que pãozinho quente até hoje.

Nesse livro Carnegie dá dicas de empatia, ensina técnicas de persuasão e divide em passos o caminho a ser traçado para o sucesso social. Não critique, aprecie. Se interesse, ouça. Sorria, lembre nomes. Faça o outro se sentir importante. Respeite opiniões diferentes da sua. Admita seus erros. Encoraje.

Verdades, óbvias até. Mas quando precisam ser atitudes requerem treino e repetição até se tornarem hábito e se transformarem em amigos, influência e open bar na vida.

Não sou Carnegie Hall, mas também tenho uma dica de como fazer amigos e influenciar pessoas: LEVE COMIDA.

Levar comida abre portas, acredite. Você vai estar carregando a comida, vai estar com as mãos ocupadas e alguém vai se oferecer para abrir a porta para você. Pronto, uma porta aberta.

Quando você carrega comida as pessoas ficam curiosas, querem saber o que é, se é aquilo que está cheirando bem, onde vai ser servido, se podem comer um pedaço. Mesmo quem não quer comer vai pedir, só para quebrar o gelo, para puxar conversa.

E isso acontece mesmo. Uma parte do meu trabalho é montar mesas de merchandising em programas de TV – aqueles inserts de marcas que aparecem ao longo dos programas. Eu vou para o estúdio carregada de comida, nunca falo com ninguém e todo mundo puxa-assunto. É batata. Já fiquei melhor amiga de contrarregra, ganhei Olá do Mc Guiné, dei paçoquinha pro Marquito e ganhei beijo do Raul Gil. Não puxo assunto, mas carrego comida, então o assunto já está ali.

Recomendo essa tática de influência também em festas. Vai ter comida na festa, eu sei, mas brigadeiro e bala de coco nunca é demais. Chegue com um pacote e você vai ser levado direto à cozinha, que é sempre o coração das festas. Ou já vai poder oferecer bala para todos no salão e ter um assunto instantâneo: Quer bala? Quero! Que bala boa! De onde é? Ah, eu compro perto do meu trabalho. Onde você trabalha? E por aí vai…

Dale Carnegie que me desculpe, mas fazer amigos e influenciar pessoas é muito mais fácil do que ele dizia.

 

 

© Mixirica. Tudo nosso.

Back to Top